Pucón

Data da viagem: Janeiro de 2016

Curiosidades e Dados Sobre Pucón - Chile (2016)

  • Fundação: 27/02/1883;
  • População: 25 mil habitantes;
  • Clima: A temperatura gira em torno dos 2°C à 5°C nos meses de inverno, e de 20°C à 25°C no verão, (média anual 12°C);
  • Quando ir: É possível visitá-la em qualquer época do ano, sendo o inverno mais chuvoso e propenso a neve, e o verão mais seco e convidativo a banhos nos lagos e rios da região;
  • Tempo médio de estadia: 3 dias são o suficiente para conhecer os principais pontos turísticos. Obs: Opinião baseada em meu formato de viagem e gostos particulares;
  • Acesso aéreo: Pucón não tem aeroporto, dessa forma é necessário utilizar aeroportos alternativos, sendo o mais próximo deles, o aeroporto situado na cidade de Temuco, distante 106 km (por rodovias). Outra opção é utilizar o Aeroporto Internacional de Santiago, e fazer o restante da viagem de ônibus, porém a distância entre as duas cidades é de 785 km (por rodovias);
  • Hospedagem: Por ser uma cidade com economia voltada ao setor turístico, conta com uma grande estrutura hoteleira. Eu optei por ficar no Hostel Donde Egídio, com nota no booking 9,2 (2016), sua localização é perfeita e os donos super atenciosos, segue links para mais informações:

http://www.hostaldondeegidio.cl 

http://www.booking.com/hotel/cl/hostal-donde-egidio.es.html  

  • Devido à proximidade com o Vulcão Villarrica, um dos mais ativos do Chile, existe uma sirene de alerta, em caso de erupção;
  • O Vulcão Villarrica, solta fumaça constantemente, tendo entrado em erupção pela última vez em março de 2015;
  • Em 1984, a cidade foi evacuada devido a uma grande erupção, porém a lava não chegou até a cidade; 


Principais Pontos Turísticos 

Vulcão Villarrica

É o cartão postal mais importante da cidade, e presença constante no horizonte da mesma.

Seu cume está a 2.843 metros de altitude, e fica coberto de neve o ano inteiro. É um dos vulcões mais ativos do Chile, tendo entrado em erupção pela última vez em março de 2015.

Principalmente durante o verão, as agências locais oferecem pacotes de escalada ao cume do vulcão, porém as condições climáticas no seu topo costumam ser adversas, impedindo muitas vezes a subida, razão pela qual não consegui escalar durante os dias que permaneci na cidade.

Termas Geométricas

Devido a atividade vulcânica da região, o entorno da cidade de Pucón, é repleto de águas termais, porém a mais famosa, são as "Termas Geométricas". Suas piscinas naturais estão localizadas na fenda de duas montanhas, e cercadas pela natureza. As temperaturas da água variam de cada piscina, ficando entre 35°C e 45°C, sendo perfeitas para relaxar.

As Termas Geométricas ficam a 80km (por rodovia) de Pucón,

Dica: No inverno o contraste entre a neve e o vapor que emana das águas termais, são um show a parteAbertura: 10h às 23h, todos os dias.

Entrada: Adultos $ 21.000 à $ 25.000 Pesos, dependendo da hora do dia / Crianças de 3 a 15 anos $ 12.000 Pesos, em qualquer horário.

Mais informações: http://www.termasgeometricas.cl 

Parque Nacional Huerquehue

O Parque Huerquehue, está localizado a cerca de 35km de Pucón. O local oferece belezas naturais diversas, como araucárias, lagos, riachos, cachoeiras, trilhas e mirantes, sendo um local perfeito para admiradores da natureza e praticantes de trekking, pois conta com diversas trilhas, sendo a "Los Lagos", uma das mais realizadas, com 12 km de extensão.

Dica: Leve uma mochila com água e comida, pois no parque não à locais para compra dos mesmos.

Mais informações: http://www.conaf.cl/parques/parque-nacional-huerquehue 

Ojos de Caburgua

Ojos del Caburgua, é um conjunto de cachoeiras localizado a cerca de 20km de Pucón. Suas águas têm coloração azulada, destacando-se principalmente em dias ensolarados. Por ficarem em meio a mata fechada, é necessário percorrer pequenas trilhas para alcançá-las, sendo que ao longo do caminho a vários mirantes. Suas águas são extremamente frias, e o banho no local é proibido.


Considerações Finais

- Ainda falando sobre como chegar a Pucón, em minha viagem, eu optei por pousar em Santiago, e utilizar um ônibus para ir até Pucón. As rodovias do Chile são ótimas, e as duas maiores empresas de ônibus prestam um serviço de boa qualidade. Sendo assim a viajem é super tranquila e rápida. Segue o link das principais empresas de ônibus do Chile (eu utilizei a Turbus):

Turbus: https://www.turbus.cl 

Pullman: https://www.ventapasajes.cl 

Buses Jac: https://www.jac.cl 

- Quem já esteve em Gramado - RS, perceberá muitas semelhanças com Pucón. Ambas são cidades voltadas fortemente ao setor turístico, são pequenas, mas tem ótima infraestrutura, além de serem charmosas e bem organizadas.

- Por ser uma cidade pequena, é possível percorrer toda sua zona urbana, a pé.

- As temperaturas podem oscilar bastante em Pucón, por isso, consulte a previsão do tempo antes de fazer as malas. É aconselhável levar uma capa de chuva e uma bota trekking.

- Existe uma estação de esqui em Pucón, com diversas pistas para a prática de esportes na neve (http://www.skipucon.cl/)