Liberte-se

Já parou para pensar e se questionar, se a sua vida lhe pertence? Não entendeu, vou exemplificar. As coisas que faz e os sonhos que busca realizar, são frutos de seus desejos íntimos e pessoais, ou são resultados, do norteio que a sociedade exerceu sobre você? É sabido que nossa personalidade também é moldada por agentes externos, como família e sociedade em que estamos inseridos. Parte do que somos é graças a essas interferências, isso é natural, o que não é natural, é abrirmos mão de nossos desejos e anseios particulares. Quando o livre arbítrio necessita ser sacrificado, para que possamos continuar na marcha harmônica ditada pelo livro de regras, tornamo-nos marionetes, deixando literalmente de ter controle sobre nossas vidas.

A um manual escrito subjetivamente na mente das pessoas, e quando alguns artigos deste manual recebem o aval e carinho do coletivo, estes acabam por se tornar uma obrigação a ser seguida por todos, e mesmo estas leis não tendo poder jurídico, ainda são capazes de punir quem as contrariar, afinal o carrasco é a sociedade, e a punição, o exílio e o olhares reprovatórios.

Citarei abaixo, situações que a maioria das pessoas já testemunharam, seja através da mídia, de pessoas ao seu redor, ou até mesmo através do senso comum enraizado a tanto tempo em seu subconsciente, que o fato gerador perdeu-se nas lembranças.

Profissão: Primeiramente, veja a lista das profissões com os melhores salários, depois análise o prestigio de cada uma delas, e caso a profissão vencedora, não seja a mesma que você desejaria exercer, não se preocupe, o dinheiro e a aprovação da sociedade lhe compensaram.

Moradia: Lute com todas as forças, utilizando todo e qualquer recurso disponível, como seu tempo e até sua saúde, afinal, você precisa ter uma casa. "Mas" de preferência, construa em um bairro nobre, utilize uma arquitetura cinematográfica e decore com as últimas tendências europeias. Claro, você pode não seguir todos os requisitos, sem problemas, mas lamento informar que isso o deixa fora da ala dos verdadeiros vitoriosos.

Família: Este é um dogma imutável e inquestionável, você precisa encontrar um parceiro, pois sozinho nunca será feliz, e claro, não podemos esquecer dos filhos, não tem lógica passar por este mundo sem deixar sua herança genética.

Sei que este texto causa desconforto, tanto para quem escreve, quanto para seus leitores, pensei até em não publicá-lo, mas acredito que ele possa vir a somar de alguma forma e ajudar as pessoas que se encontram presas a sonhos que nem ao menos são delas.

A intenção não é apontar o que é certo ou errado, até porque ninguém é dono da verdade. Então case ou fique solteiro, tenha filhos ou não, use a roupa da moda ou crie seu estilo, compre uma casa, ou viva de aluguel, acumule riqueza ou trabalhe como voluntário, viva no campo ou na cidade, ame o futebol, ou tênis de mesa, permaneça em sua terra natal, ou viaje o mundo. Mas acima de tudo, faça por "você"!